Neste dia, 1º de fevereiro, é comemorado o dia do Publicitário, profissional este responsável por gerir ideias utilizando-se de sua criatividade e levando às pessoas o desejo e sonho dos mais variados gostos.

Mas você sabe como e quando começou a ser usado o termo “publicidade”? Seu uso pode ser traçado por boa parte da história da humanidade, mas foi após a Revolução Francesa (1789), que o termo foi finalmente reconhecido e levado à importância dos dias atuais.

Hoje, vários profissionais fazem o uso desta ciência, e até a própria ciência vem utilizando os recursos da publicidade, divulgando suas descobertas e seus congressos por meio de cartazes, revistas, jornais, filmes, Internet e outros.

No cenário nacional, o Diário do Rio de Janeiro, lançado no ano de 1821, foi o primeiro jornal a publicar anúncios desta natureza. Foi uma espécie de classificados que não possuíam ilustrações. Já no início do século XX, os anúncios ganharam as primeiras ilustrações, e existiu até cartum humorístico político vendendo determinado produto.

Eclética, Pettinati e Edanée são consideradas as primeiras agências de publicidade na cidade de São Paulo. Nesta mesma época, com a mudança da economia, passando de rural para industrial, agências estrangeiras, Ayer e a J. Thompson, reforçaram o mercado brasileiro de publicidade.

No campo das pesquisas, estudos feitos pelo jornal Folha de São Paulo revelaram que o mercado publicitário no Brasil deve crescer até 2013 cerca de 31%. Outro dado interessante é que a internet será a ferramenta mais utilizada e que renderá bons frutos para quem trabalha nesta parte de criação.

E a você, publicitário, a Atributo Comunicação Estratégica te dá os parabéns pelo seu dia! Comemore e continue a fantasiar e criar mais sonhos. E parafraseando Mario Quintana, não é a publicidade que muda o mundo, quem muda o mundo são as pessoas. A publicidade só muda as pessoas, e você faz parte desta mudança.